O futuro da produção de veículos com fibra de carbono

A empresa Teijin do Japão, apresentou uma tecnologia que é capaz de tornar a produção de veículos, cuja carroceria seja inteiramente em fibra de carbono, mais rápida.

E para demonstrar a eficácea e velocidade de seu processo produtivo a Teijin, produziu protótipos em menos de um minuto. Há muito tempo os engenheiros automotivos vêm tentando usar o CFRP (Carbon Fiber Reinforced Plastic, ou plástico reforçado com fibras de carbono) para poder diminuir o peso dos veículos e aumentar a segurança que eles podem proporcionar.

Este foi o protótipo construído pela Teijin

Teijin

Teijin

As fibras de carbono já são utilizadas nos carros de competição, mas o problema hoje em dia não é fazer o uso do material e sim o tempo que se leva para montar uma carroceria com a fibra de carbono. O processo é lento demais, dessa forma não é viável a construção em massa de veículos que utilizem  CFRP.

E é aí que entra a tecnologia da Teijin, pois ela torna possível a produção em massa, uma vez que é capaz de construir protótipos em menos de um minuto. Dessa forma existe a possibilidade de construir outros produtos também.

Para conseguir produzir um monobloco em menos de um minuto, a Teijin fez uso de três materiais intermediários, aproveitando a característica de cada um, para fazer uma parte específica da carroceria. A empresa então foi capaz de construir um monobloco de um carro-conceito elétrico em menos de um minuto e que pesa 47 kg, o que representa cerca de um quinto da mesma carroceria se fosse construída de metal.

É a Teijin com certeza está apresentando o futuro da produção dos carros, e não só de carros, de outros produtos também.

Deixe sua opinião